quinta-feira, 6 de maio de 2010

Maga

leia o poema inteiro aqui: MAGA

Nenhum comentário: